Qui, 19 de Novembro de 2020
Rua Delfino Facchina, 61 (Cidade Ademar) - Americanópolis - São Paulo/SP - CEP 04409-080
Renuniões Públicas
Tarde 2ª,  4ª,  e Sábado: das 14hs30 às 16hs00
Noite 2ª, 3ª, 4ª, 5ª e 6ª das 20hs30 às 21hs30 
Renuniões Públicas
Tarde 2ª,  4ª,  e Sábado: das 14hs30 às 16hs00
Noite 2ª, 3ª, 4ª, 5ª e 6ª das 20hs30 às 21hs30 

Evangelho

O Mestre do Amor - Augusto Cury



Atualizado: 19/11/20

 
VOLUME 4 
O Mestre do Amor – Augusto Cury 
Cap. 6 – A 1ª. hora: cuidando de seu Pai e perdoando homens indesculpáveis  
321 – Oitava: a arte do perdão como refrigério para a alma 


 Chegamos à última implicação da primeira frase de Jesus na cruz. Há outras, mas pararei por aqui. Sua capacidade de perdoar era um refrigério para a sua alma e o tornava o mais leve dos homens. Quando pediu ao Pai para perdoar seus inimigos, ele já os havia perdoado. Ninguém tinha qualquer dívida com ele. 

Jesus cancelou todo o ódio por seus agressores. Rasgou a “duplicata” da arrogância, prepotência e orgulho dos homens que o feriram. Nós muitas vezes abandonamos aqueles que nos magoam, mas ele jamais os abandona. Todos estão aptos a ser seus amigos. 

Excelentes relacionamentos entre amigos, colegas de trabalho e casais terminam muitas vezes porque as pessoas não sabem tolerar e superar pequenos defeitos umas das outras. Quando uma das pessoas é hipersensível, não consegue administrar o impacto que lhe causam as críticas ou atitudes do parceiro. 

Perdão e compreensão não são atributos dos fracos, mas ingredientes universais para o sucesso das relações interpessoais, seja entre intelectuais ou membros de tribos primitivas. Sem a psicologia do perdão, as pessoas que nos decepcionam vão se transformando em “monstros” no solo de nosso inconsciente. Se essa imagem “monstruosa” não for contida e administrada, será capaz de controlar nosso encanto pela vida, nosso desempenho social e intelectual. 

Já afirmei que a maior vingança contra um inimigo é per- doá-lo. Se compreendê-lo, você o perdoa. Se o perdoa, ele morre dentro de você e renasce não mais como inimigo. Caso contrário, ele dormirá com você, roubará seu sono, comerá com você e destruirá seu apetite. 

Jesus era uma pessoa flexível. Se alguém bloqueasse a porta de entrada, em vez de gastar energia com o confronto, ele procurava as janelas. Quanto mais lhe fechavam a porta de entrada, mais ele abria as janelas do fundo.  

Você procura as janelas ou opta sempre pelo confronto? Gaste menos energia, é mais fácil abrir as janelas. Comece por abrir as janelas de sua mente. 

O mais excelente mestre da emoção morreu sem guardar mágoas de ninguém. Pode-se inferir que nem mesmo tinha cicatrizes inconscientes na memória. Ele foi de fato o mais livre dos seres humanos. 

Todos os meus elogios ao Mestre da Vida nos livros desta coleção são tímidos. Tentei diversas vezes criticar seus comportamentos, mas ele é incriticável. Desafio os demais cientistas a analisá-lo. Contudo, quero avisá-los: esse homem contagia nossa emoção. 

 

Estudos dos Evangelhos

Click no link abaixo, para ver o livro desejado

 LIVRO EM ESTUDO   O MESTRE DO AMOR - AUGUSTO CURY
 LIVRO TEMA:   O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO