Qui, 22 de Outubro de 2020
Rua Delfino Facchina, 61 (Cidade Ademar) - Americanópolis - São Paulo/SP - CEP 04409-080
Renuniões Públicas
Tarde 2ª,  4ª,  e Sábado: das 14hs30 às 16hs00
Noite 2ª, 3ª, 4ª, 5ª e 6ª das 20hs30 às 21hs30 
Renuniões Públicas
Tarde 2ª,  4ª,  e Sábado: das 14hs30 às 16hs00
Noite 2ª, 3ª, 4ª, 5ª e 6ª das 20hs30 às 21hs30 

Sabedoria do Evangelho

Carlos Torres Pastorino




Atualizado: 24/10/2020



SABEDORIA DO EVANGELHO - VOLUME 3 
225 – O PÃO DA VIDA – PARTE III – VIA CONTEMPLATIVA-1 

João, 6: 35-46  

35. Falou-lhes Jesus: "Eu sou o Pão da Vida; o que vem a mim, de modo algum terá fome, e o que confia em mim nunca jamais terá sede. 36. Mas eu vos disse que vós até me vistes, e não confiais 37. Todo o que o Pai me dá, virá a mim; e o que vem a mim de modo, algum o lançarei fora 38. porque eu desci do céu, não para fazer a minha vontade, mas a vontade de quem me enviou. 39. E esta é a vontade de quem me enviou: que todo o que ele me deu, eu não o separe dele, mas o eleve na etapa final. 40. Porque esta é a vontade do que me enviou: que todo o que contempla o filho e nele confia, tenha a vida imanente, e eu o elevarei na etapa final. 41. Os judeus então murmuravam dele, porque dissera: 42. "Eu sou o pão que desci do céu", e perguntavam: "este não é Jesus, o filho de José, cujos pai e mãe nós conhecemos? Como, pois, diz isto: "Desci do céu"? 43. Respondeu-lhes Jesus e disse: "Não murmureis uns com os outros”, 44. Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou o não atrair, e eu o elevarei na etapa final. 45. Está escrito nos profetas: "E serão todos instruídos por Deus"; todo o que ouviu do Pai e aprendeu, vem a mim. 46. Não que alguém tenha visto o Pai, senão aquele que vem de Deus: esse viu o Pai". 

A aula teórica que Jesus dá sobre o Pão da Vida, e que constitui uma parte de seu "ensino" (de seu logos), é uma explicação da aula prático-experimental que foi a multiplicação dos pães e peixes. Trecho dos mais profundos que o Evangelho nos conservou. Estudá-lo-emos cuidadosamente, dando os comentários linguísticos primeiro, e a seguir a interpretação impressa em grifo. Veremos cada versículo separadamente, porque cada palavra é importante. 

26. “Respondeu" (apekrthe) é fórmula genérica no sentido de "tomou a palavra" ou "prosseguiu". A repetição "em verdade, em verdade" traduz a locução hebraica amén amén (transliterada no grego) e exprime uma espécie de juramento sobre a veracidade do que é afirmado, uma "afirmativa categórica" (ver vol. 1).  

Traduzimos semeia por “demonstrações" (ver vol. 1), que é o sentido real da palavra: “sinal, prova, demonstração", só lhe sendo atribuído o sentido de “prodígio, milagre" (tradução que lhe é dada sistematicamente nas edições comuns) quando a demonstração é fora do comum, acima do normal. Só não aceitamos essa tradução porque hoje a palavra “milagre” variou de tal forma de sentido, que passou a significar outra coisa. 

Sabedoria do Evangelho

Click no link abaixo, para ver o livro

  LIVRO EM ESTUDO  SABEDORIA DO EVANGELHO (VOL. 3) - PASTORINO